Assista ao vídeo da abertura da Marcha Virtual pela Ciência!

 

Participantes:

Ildeu Moreira, presidente da Sociedade Brasileira pelo Progresso da Ciência (SBPC).

Leonardo Gabriel Diniz, Centro Federal de Ensino Tecnológico de Minas Gerais (CEFET-MG).

Valéria de Fátima Raimundo, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Débora D'Ávila Reis, Instituto de Ciências Biológicas, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Luciano Mendes de Faria Filho, Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Juri Castelfranchi, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

 

 

por Leonardo Sioufi Fagundes dos Santos*

whatsapp-image-2020-04-22-at-17-15-42

A Sociedade Brasileira pelo Progresso da Ciência promove hoje, 07/05/2020, a Marcha Virtual pela Ciência.

Essa marcha é fundamental na atualidade. A pandemia de COVID-19 não para de crescer no Brasil. No entanto, muitos brasileiros não estão seguindo as orientações médicas por não aceitarem o conhecimento científico. Neste momento, a defesa da ciência se tornou defesa da vida.

Os matemáticos e os físicos tem um papel fundamental no combate ao COVID-19. Os gráficos do COVID-19 orientam as políticas púlicas na área da saúde. O colapso do sistema de saúde é uma previsão de modelos matemáticos. Os físicos são especializados em equações diferenciais, o mesmo tipo de expressões matemáticas usada na famosa curva do COVID-19. Assim, matemáticos e físicos podem ajudar a sociedade no entendimento da previsão dos modelos teóricos de expansão da pandemia.

Para maiores informações sobre a Marcha Virtual pela Ciência, chique aqui.

Assista o convite do presidente da SBPC, Ildeu Moreira, no vídeo abaixo: 

*Leonardo Sioufi Fagundes dos Santos é professor de Física da UNIFESP Diadema, membro do Departamento de Física e docente no Curso de Ciências - Licenciatura

O ramo da Física que estuda o som é denominado "Acústica". As sensações auditivas de grave e agudo estão relacionadas à uma grandeza física, a frequência sonora. Para maiores informações, o leitor pode ler o artigo Medição de frequências e classificação em graves e agudos.

A educação musical envolve as senções de grave e agudo. O vídeo abaixo do canal Renata Seguchi - Brincadeiras Musicais exibe uma brincadeira para treinar a percepção de grave e agudo ludicamente.

 

Vídeo de 2 de abril que mostrando as contribuições da matemática no combate ao COVID-19.

por Leonardo S. F. dos Santos*

O artigo "A Páscoa e a Astronomia" apresentou três erros que já foram corrigidos.  Ferreira Neto. 

Anselmo Augusto, bacharel em Física e mestre em Astronomia pela USP e técnico do IBGE, apontou que a data dos equinócios podem variar 3 dias, não dois. O equinócio de março pode cair entre 19/03 a 21/03. O equinócio de setembro varia entre 22/09 e 24/09.

Maria de Fátima Ferreira Neto, bacharel em Física pela USP, mestra e doutora em engenharia civil pela UNICAMP e professora da UNIP, indicou diversos erros ortográficos e um trecho com interpretação dúbia.

Thaís Cyrino de Mello Forato, bacharél e licenciada em Física e mestre em História da Ciência pela PUC-SP, doutora em Educação pela USP e professora da UNIFESP, pontuou dois trechos com interpretações ambíguas.

O terceiro erro foi notado pelo próprio autor ao reler o artigo. O ano tropical tem 365 dias, 5 horas, 48 minutos e 46 segundos. Na versão não corrigida, o ano tropical tinha 10 segundos a mais.

Um agradecimento a todos os que notaram e avisaram sobre os erros.

*Leonardo Sioufi Fagundes dos Santos é professor da UNIFESP, campus de Diadema.

Quantos somos

HojeHoje247
OntemOntem1326
SemanaSemana2645
MêsMês7354
TotalTotal1588947