Conceito

 

A Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas (OBFEP), uma promoção inicial do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) através do CNPq, constitui atualmente um programa permanente da Sociedade Brasileira de Física (SBF), responsável por sua execução. Esse programa, que em 2010 aconteceu em caráter de Projeto Piloto  nos estados de BA, GO, PI, SP e em 2011 nesses estados mais MA e MT, aconteceu em 2012, 2013, 2014, 2015  e 2016 em nível nacional. Em 2017 a OBFEP  acontecerá em todo o Brasil mas, devido à falta de liberação de recursos pelo governo,  será destinada exclusivamente a estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e da 1ª e 2ª séries do Ensino Médio de Escolas Públicas.

 

Quem poderá participar da OBFEP 2017

  • Poderão participar da Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas (OBFEP) 2017 estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e da 1ª e 2ª séries do Ensino  Médio de escolas públicas municipais, estaduais e federais em que houver pelo menos um professor responsável.
  • Para indicação do(s) professor(es) responsável(is), cada  Escola deverá preencher em inscrições o cadastro de credenciamento on line  de acordo com as datas  do calendário da OBFEP .

 

Como participar da OBFEP 2017

  • A participação  de estudantes na OBFEP 2017 será somente através da Escola que nomeará um professor ou representante, que será responsável pela organização local da OBFEP.
  • A OBFEP 2017 ocorrerá em 2 (duas) Fases

 

Como ocorrerão as inscrições da OBFEP 2017

  • Credenciamento das escolas  será realizado no período de 18/07 a 17/08/2017 através do portal: obfep.org.br.
  • Para a 1ª Fase da OBFEP cada escola indicará, no Credenciamento, apenas o número total de seus alunos que efetivamente farão a prova em cada ano/série. Não haverá inscrição individual por aluno.
  • O número de alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) dos anos do 2º Segmento Fundamental deverá ser informado como do 9º ano  e os do Ensino Médio como da 1ª Série.
  • Para a 2ª Fase serão classificados os alunos que atingirem a Nota Mínima definida pela Comissão da OBFEP após análise do desempenho dos estudantes na 1ª Fase.

 

Como e quando serão realizadas as provas da OBFEP 2017

  • Normalmente em cada fase os alunos participantes da OBFEP serão divididos em 3 (três) níveis, de acordo com o seu grau de escolaridade, como a seguir: Nível A– alunos matriculados no 9º  ano do Ensino Fundamental, no ano letivo da realização das provas. Nível B– alunos matriculados na 1ª e 2ª  séries do Ensino Médio, no ano letivo da realização das provas. Nível C– alunos matriculados na 3ª série e 4ª série (onde houver) do Ensino Médio, no ano letivo da realização das provas. A OBFEP 2017, devido a limitação de recursos, será destinada exclusivamente a estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental e da 1ª e 2ª séries do Ensino  Médio de Escolas Públicas; desta forma, na OBFEP 2017, as provas serão do Nível A ( 9º ano) e do Nível B (1ª e 2ª séries).
  • Os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) dos anos do 2º Segmento do Ensino Fundamental (8º e 9º anos) deverão realizar as provas do Nível A. Os de Ensino Médio, a prova do Nível B.
  • As provas da 1ª Fase conterão questões de múltipla escolha e serão realizadas no dia 24 de agosto (quinta-feira), na própria escola. A aplicação das provas com duração de 3h (três horas) poderá ser feita em todos os turnos da escola. Após a aplicação da prova os professores deverão recolher todo o material (caderno de questões e folhas de respostas) e manter o material consigo até um dia após a divulgação do gabarito oficial (ver calendário). Os alunos participantes devem ser instruídos pelos professores que não é permitida a transmissão/publicação de comentários sobre o conteúdo da prova (através de qualquer meio, redes sociais ou similares) durante o dia de aplicação da prova. A violação deste item implicará na desclassificação do aluno e da escola.
  • As  provas da 2ª Fase constarão de questões teóricas e poderão ter uma parte prática; essas provas em 2017serão realizadas no dia 21 de outubro (sábado), terão a duração de 4 (quatro) horas e serão realizadas no período das 13 horas às 17 horas (horário local).  As provas da 2ª Fase serão aplicadas em sedes (sub-coordenações, Centros de Aplicação) escolhidas pelo  Professor Responsável pela OBFEP na escola na relação de sedes(sub-coordenações, Centros de Aplicação)  indicadas pelo(a) Coordenador(a) Estadual; as questões teóricas e experimentais, no caso de ocorrer, serão discursivas e específicas para cada Nível.

 

O Professor Responsável pela OBFEP na sede (sub-coordenação, Centro de Aplicação) deverá encaminhar pelos Correios até o dia 24 de outubro de 2017 (terça-feira), para a Coordenação Estadual, os Cadernos de Resolução das provas realizadas na 2ª Fase. O envio deve ser feito por SEDEX. Só serão corrigidos e considerados para classificação dos estudantes, os Cadernos de Resolução postados pelo Professor Responsável até o dia 24 de outubro de 2017 (terça-feira).

 

SAIBA MAIS:

► Inscrições de Escolas

► Escolas Credenciadas