CHAMADA PARA CREDENCIAMENTO – MNPEF

MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA
SOCIEDADE BRASILEIRA DE FÍSICA

Agosto de 2015.

Anunciamos a terceira chamada para credenciamento de novos polos do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física da Sociedade Brasileira de Física (MNPEF-SBF).

O MNPEF é um programa nacional de pós-graduação de caráter profissional, voltado a professores de Ensino Médio e Fundamental com ênfase principal em aspectos de conteúdo na área de Física. É uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Física (SBF) com o objetivo de coordenar as diferentes capacidades apresentadas por diferentes Instituições de Ensino Superior (IES) distribuídas em todas as regiões do País.

Está organizado em Polos Regionais, hospedados por IES, e nesses polos são ministradas as disciplinas, realizadas as orientações de trabalhos de conclusão e desenvolvidos os produtos educacionais.

O MNPEF foi aprovado pela CAPES em 2013 como um mestrado em rede, coordenado pela SBF, e iniciou suas atividades no segundo período de 2013 em 21 polos, com cerca de 320 alunos inscritos. Em 2014, foi feita uma segunda chamada, com ingresso de cerca de mais 400 alunos no total de 46 polos. Na página www.sbfisica.org.br/~mnpef podem ser encontradas as informações sobre o programa, o projeto aprovado, as disciplinas, os polos e o andamento das atividades.

Os recursos para concessão de bolsas e atendimento das atividades do curso, no âmbito desta Chamada, estão condicionados à disponibilidade orçamentária e financeira da CAPES.

Caso a sua instituição tenha interesse em formar um polo do MNPEF, deve enviar o formulário preenchido (formulário de credenciamento) até o dia 30 de agosto de 2015; o envio deve ser feito por mensagem eletrônica para Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. . As propostas de novos polos serão avaliadas pela Coordenação do MNPEF com base na qualidade da proposta feita e na ampliação da rede para regiões que ainda não têm polos. Será considerada ainda, a compatibilidade entre o número de vagas a serem ofertadas e a demanda regional.

Informações sobre o MNPEF estão disponíveis em http://www.sbfisica.org.br/~mnpef/. Outas informações podem ser solicitadas por meio de Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. , ou por contato com a Sra. Silvana, na Sociedade Brasileira de Física.

Atenciosamente,

Marco A. Moreira
Coordenador do MNPEF

Nelson Studart
Vice-Coordenador

Algumas orientações da Comissão de Pós-Graduação do MNPEF:
1. Sugere-se que o número mínimo de vagas seja de 10 alunos e também que a relação aluno/docente não seja inferior a 1.
2. Sugere-se atenção aos docentes sem experiência prévia em orientações de pós-graduação: deve-se evitar que estes docentes tenham mais de um aluno do MNPEF.
3. O aluno do curso em geral é professor em atividade. Sempre que possível, o polo deve se organizar de forma a promover atividades no mês de recesso escolar (disciplinas, oficinas e outros). Também deve evitar deixar períodos livres de disciplinas (por exemplo, o último) para que o aluno possa preparar a sua dissertação – os professores quase sempre têm uma carga de trabalho elevada, e essa ausência de rotina prejudica a elaboração do trabalho de conclusão.

PION

Portal SBF de
Divulgação da Física