Reino Unido busca parcerias para desenvolver tecnologias quântica

Acontece na SBF, semana de 17 de julho de 2014

Reunião dos Adidos Científicos do G7+5, coordenada por Andrew Jackson, Conselheiro Científico do Foreign and Commonwealth Affairs Office (FCO), convidou os países interessados em cooperação científica na área de Tecnologias de Quantum ("Quantum Technologies") a entrarem em contato com FCO para iniciar projetos em conjunto com o objetivo de estimular os negócios nesse setor ("improve business participation").

 A Dra. Sue Armfield, Diretora do Conselho de Pesquisa em Engenharia e Ciências Físicas (EPSRC), afirmou que o Reino Unido dispõe de £270 milhões para o Programa de Tecnologias do Quantum, a serem desembolsados durante cinco anos, em modelo "multistakeholder", sob a gerência do EPSRC, Conselho de Estratégia em Tecnologia (TSB), Departamento de Negócios, Inovação e Capacitação (BIS) e outros órgãos governamentais. A ideia é explorar o comportamento estranho da matéria física em escala de quantum (a menor possível) para obter novos resultados tecnológicos que interessem ao mundo dos negócios. O programa é dividido em i) rede nacional de pesquisadores, sob a responsabilidade do EPSRC; ii) capacitação em alto nível mediante o uso de 7 centros no Reino Unido; iii) programa de inovação, sob a responsabilidade do TSB e do EPSRC. O programa britânico conta com o apoio financeiro do Horizon 2020, programa europeu de financiamento da pesquisa, a funcionar no período de 2013 a 2020, que sucede o FP7 e tem por moto levar a ciência para a sociedade ("Science with and for society") e dispõe de um total de £79 bilhões a serem distribuídos a todos os países membros da UE.

Os interessados devem contatar a Dra. Sue Armfield no email Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

PION

Portal SBF de
Divulgação da Física