SBF se opõe à fusão do MCTI

Acontece na SBF, semana de 25 de Maio de 2016

Realizou-se em 24 de maio de 2016 no Senado Federal ​ ​​audiência pública da Comissão de Ciência e Tecnologia​ na qual​ a comunidade científica e senadores manifestaram-se unanimemente contra a fusão do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação com o das Comunicações.​

​Veja notícia e i​ntervenções da presidente da SBPC, de representante da ABC e de outros debatedores ​em:
http://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2016/05/24/senadores-e-comunidade-cientifica-manifestam-se-contra-fusao-de-ministerios​ .​

Nesta ocasião foi divulgada ​e registrada pelo presidente da mesa ​a seguinte nota do Conselho e Diretoria da SBF

Manifestação da SBF
Contra a fusão do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação com o Ministério das Comunicações

A fusão entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e o Ministério das Comunicações, decidida pelo governo interino, é uma medida que pode ter consequências lesivas ao desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação do País. A Sociedade Brasileira de Física se soma à manifestação da SBPC, da ABC e de diversas outras sociedades científicas, acadêmicas e da sociedade civil que é contrária a esta fusão pelas razões expostas em seu manifesto público. Ressaltamos que, mais importantes do que mudanças administrativas, são a liberação de recursos adequados para a ciência e tecnologia e a continuidade dos programas de qualidade nesta área. Cada vez mais a CT&I no país deve ser reforçada, ainda mais em um cenário de crise, cuja superação depende crucialmente de um maior desenvolvimento científico e tecnológico, como tem mostrado o exemplo de diversos países mais avançados.

Controle de precessão de spin em elétrons quasi-estacionários

Destaque em Física, semana de 19 de Maio de 2016

destaque 19052016A indústria eletrônica moderna é essencialmente baseada no controle de elétrons em semicondutores para executar operações lógicas. O que é relevante para essa manipulação é a carga do elétron. Mas o interesse é cada vez maior no uso de outra propriedade eletrônica, o spin, para realizar processamento de informação.

Uma contribuição importante nesse sentido acaba de ser divulgada por pesquisadores na Suíça, no Brasil e no Japão, em publicação no dia 9 de maio, no prestigioso periódico "Physical Review Letters".

Leia mais...

Eletrônica confinada a duas dimensões

Destaque em Física, semana de 12 de Maio de 2016

destaque 12052016Materiais bidimensionais (2D) vêm recebendo atenção cada vez maior no campo da nanotecnologia por apresentarem propriedades inusitadas e de alto potencial para uso em aplicações. Em particular no campo da eletrônica, é fundamental que se possa controlar com precisão os estados eletrônicos da superfície de materiais 2D.

Nesse sentido, uma contribuição importante foi recentemente publicada  por um grupo de pesquisadores nos Estados Unidos e no Brasil. Eles desenvolveram  um método que controla os estados eletrônicos a partir de uma reação de ácido de Lewis e base que não altera a estrutura do material.

Leia mais...

Comitê do CNPq divulga critérios para Bolsas de Produtividade 2016

Acontece na SBF, semana de 12 de Maio de 2016

A pedido do Prof. Gastão Krein - coordenador do Comitê Assessor de Física e Astronomia do CNPq (CA-FA) -  divulgamos aqui o documento "Critérios para Alocação de Bolsas de Produtividade" com os critérios ATUALIZADOS de julgamento dessas bolsas pelo CA-FA do CNPq. O documento tem vigência de 2016 a 2018.
 
O edital da chamada para submissão de propostas para as Bolsas de Produtividade em Pesquisa estará aberto de 16 de maio a 12 de agosto de 2016.
 

 

Indicação do Novo Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação

Acontece na SBF, semana de 05 de Maio de 2016

Manifestação da Sociedade Brasileira de Física (SBF)

A ciência brasileira tem se desenvolvido de forma contínua e abrangente, desde a criação do CNPq, sendo hoje reconhecida de padrão internacional em diversas áreas. Esse sucesso foi ancorado em duas bases fundamentais.  A primeira foi a implantação de projetos estruturantes pelo governo e agências de fomento, como o programa de bolsas de pós-graduação, o financiamento à pesquisa em pequena, média e grande escalas e a construção de laboratórios nacionais, como o LNLS. A segunda foi a apreciação de propostas e análise de projetos utilizando exclusivamente critérios de mérito compatíveis com o padrão científico internacional.

Neste momento, a severa crise econômica que atingiu o país tem afetado fortemente nosso progresso científico e tecnológico, ocasionando sério retrocesso nos avanços alcançados. Análises econômicas, com isenção de preconceitos ideológicos, indicam claramente que esse cenário deverá continuar por pelo menos mais dois anos.

Leia mais...

Quantos Online

Temos 39 visitantes online


Edifício Sede

Caixa Postal  7545 
São Paulo - SP - Brasil
CEP 06298-970

Tel: 55-11-3034.0429
Fax: 55-11-3814.6293

PION

Portal SBF de
Divulgação da Física