Trabalhos brasileiros ganham repercussão internacional

Estudos tão variados quanto a investigação de fenômenos ópticos em bolhas de sabão e a presença de matéria escura no interior da Via Láctea despertaram o interesse da comunidade internacional para a ciência brasileira.

O trabalho em óptica foi realizado por Adriana e Alberto Tufaile, da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP (Universidade de São Paulo). Já a pesquisa em astrofísica foi realizada pelo italiano Fabio Iocco, do ICTP-SAIFR e Instituto de Física Teórica da UNESP (Universidade Estadual Paulista), em parceria com dois colegas na Europa.

Num artigo publicado na edição da "Physics Letters A" de 6 de março, já disponível, o casal da USP (Universidade de São Paulo) usou lasers e bolhas de sabão para produzir e investigar fenômenos similares aos halos e pilares que vemos associados ao Sol. O esforço compara os fenômenos atmosféricos aos simulacros produzidos em laboratório e ajuda a compreender e estudar as particularidades da física por trás de sua ocorrência. Por sua originalidade, ele mereceu menção na seção Science Shot da revista "Science".

Já o trabalho de Iocco é fundamental no estudo da matéria escura e sua natureza. Pela primeira vez apresenta-se a confirmação observacional de que essa misteriosa matéria, cuja composição é desconhecida, está também presente nas regiões mais internas da galáxia. Até então, sua presença só era evidente na periferia galáctica, onde sua influência na velocidade de translação das estrelas se faz notar com mais clareza.

O importante resultado foi publicado na "Nature Physics" em 9 de fevereiro e ganhou destaque no News Highlights do ICTP (International Centre for Theoretical Physics), em Trieste.

Para ler o artigo completo sobre a matéria escura, clique aqui (só para assinantes) ou aqui (acesso livre).

Para ler o artigo sobre os halos em bolhas de sabão, clique aqui (resumo de acesso livre, texto completo só para assinantes).

 

Física ao Vivo

novembro fisica ao vivo

Destaque em Física

Sociedade Brasileira de Física